Siga o observatório nas redes socias!!!

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Principais Metodos do Ensino de Geografia

PRINCÍPIOS E MÉTODOS – o estudo da geografia deve obedecer às regras metodológicas dessa ciência. Os princípios científicos da Geografia que servem de base para sua pesquisa, ensino e estudo são:
1. PRINCIPIO DA EXTENSÃO: desenvolvido por Ratzel – localizar os fatos a serem estudados, mensuração ou medição do fato (área, tamanho) e quantificação dos fatos que requer intepletação de tabelas e gráficos. Esse princípio faz uso da interdisciplinaridade (cartografia, geodésia, estatística)
2. PRINCIPIO DA ANALOGIA – Ritter- necessidade de comparar os fatos para ver suas diferenças e semelhanças ;

3. PRINCÍPIO DA CAUSALIDADE – Humboldt – necessidade de estabelecer causas e consequências – uma geografia explicativa que procura estabelecer uma hierarquia entre causas e consequências dos fatos;
4. PRINCÍPIO DA CONEXIDADE – Brunhes – os fatos geográficos nunca ocorrem isoladamente – indica a necessidade de interligar os conhecimentos geográficos às ciências circunvisinhas (interdisciplinaridade – fundamental a geo moderna);
5. PRINCÍPIO DA ATIVIDADE – Brunhes – demonstra que os fatos geográficos estão em constante mutação e que seu entendimento depende de uma análise do passado para compreender o presente. – permite analisar as tendências de evolução dos fatos. Reconhecer o presente como um produto ou herança do passado e analisar as transformações ocorridas ao longo do tempo, constituem importantes bases da geografia moderna.
GEOGRAFIA DO BRASIL: - Longo e detalhado programa – a maior parte dos vestibulares exige do candidato uma visão mais profunda da realidade brasileira – o estudante não deve apenas conhecer os diversos aspectos da geo do Brasil, mas também operacionalizar e relacionar esses conceitos entre si – os vestibulares avaliam a capacidade do candidato em organizar a análise dos fatos geográficos brasileiros.
GEOGRAFIA GERAL/GEOPOLÍTICA: objeto de avaliação menos profunda – requer do candidato uma visão mais informativa e menos detalhista – é necessário desenvolver um bom conhecimento de cartografia – adquirir o hábito de “ler” mapas de diversos tipos para conhecer o espaço geográfico mundial e a distribuição dos principais fatos geográficos e geopolíticos – estar a par dos mais recentes acontecimentos internacionais, principalmente os de caráter econômico e geopolítico – ler jornais e revistas.

Algumas especialidades da ciência Geográfica:

Geografia Física: focaliza-se no estudo das características naturais, como clima, vegetação, hidrografia, relevo e os impactos decorrentes da exploração.

Geografia Humana: tem como objetivo o estudo da dinâmica populacional e suas particularidades.

Geografia Econômica: estudo de todas as relações econômicas realizadas no mundo e seus fluxos.

Geografia Cultural: focaliza a atenção para a identidade cultural das pessoas e dos lugares.

Geografia Política: estudo das relações do poder político e seus resultados.

Geografia Médica: realiza mapeamento de focos de doenças e sua distribuição no espaço geográfico.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
O autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.